Loading...
Notícias

Superinertia, é o novo disco de 10 000 Russos

Está já disponível em todo o lado o novo disco dos 10 000 Russos: Superinertia. Editado pela britânica Fuzz Club Records, o álbum estará disponível em todas as plataformas online e, em formato vinil, cd e K7. Superinertia é um disco dirigido ao “estado de inércia em que os humanos vivem no Ocidente hoje em dia. Não é um álbum sobre o passado ou o futuro. É sobre o agora”.

A inércia do título, segundo a banda está profundamente enraízada na condição ocidental, no qual o “senso comum” mascara importância política, a cultura é largamente dominada por “pastiches” e nostalgia, e a vida em si está reduzida a um ciclo interminável reduzida de trabalho – consumo – repetição. Para tudo isso “Superinertia” pode ser uma lupa para um mundo que não se mexe, o mesmo no entanto não poderá ser dito em relação aos próprios 10 000 Russos; não só a sua própria música foi sempre cinética – uma força perpétua de motorik – mas neste disco a adição do synth de Nils Meisel (que substituí o baixista André Couto que abandonou a banda) vê a banda sonicamente localizar-se noutros territórios.

Segundo os Russos, “os synths abriram o espectro sonoro e deram diferentes rotas a seguir. O mais importante neste disco era não nos repetirmos para um novo arco surgir e ganhar vida.

Desde o seu LP estreia e os três que se seguiram pela Fuzz Club (acrescentado um outro lynchiano com os holandeses RMFTM), os 10 000 Russos têm sido uma formidável presença no underground do psych europeu, com uma rodagem de centenas de concertos- em cada um deixando uma legião de fãs em locais como as improváveis Aberdeen ou Toulouse surgindo em publicações da Quietus, Bandcamp Daily, BB6 Music, Clash Magazine, Drowned in Sound entre outras. Com uma nova formação e uma constante evolução no seu som “Superinertia” promete ser o seu melhor e mais aventureiro disco até à data.

 

Spread the love
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *