Loading...
Artigos de Opinião

O que é Nacional é Bom! 25 álbuns nacionais 2020

Este ano ficará para sempre assinalado, na nossa memória, pelos desafios colocados à classe artística e à humanidade. Um 2020 marcado pelo bicho pandémico e pelo distanciamento social, que fez com que a resistência e a coragem se tornassem palavras de ordem no que toca aos talentos portugueses.

 

 

 

Álbum do ano: 100% Carisma – Vaiapraia

O último LP de Vaiapraia é o melhor álbum nacional de 2020, para a equipa do Que Amor É Este. Um álbum que é uma verdadeira maratona de cores, atitude e emancipação da comunidade queer! As letras são emocionalmente honestas e as melodias redondamente punk. O que poderíamos querer mais? Obrigada, Rodrigo!


Os restantes álbuns também ajudaram a tornar este ano um bocadinho menos doloroso e por isso estamos gratos a TODOS os artistas e profissionais da área, que apesar dos tempos conturbados, não pararam de nos dar música. Bem hajam!

Uma vez que os géneros e sub-géneros da lista são tão variados, optamos por não os classificar do 2º ao 25º. Qualquer um destes discos merece ser apreciado em pleno. Independentemente da sua classificação numérica.

 

Cajarana – André Henriques

 

 

Room For All – Monday

 

 

 

Raiashopping – David Bruno

 

 

 

Rapazes e Raposas – B Fachada

 

 

 

Endless Voyage – Sunflowers

 

 

 

Mythical Super Bubble – Gator, The Aligator

 

 

 

III – Evols

 

 

 

Madrepérola – Capicua

 

 

 

Revezo – Filipe Sambado

 

 

 

Tradição – Bia Maria

 

 

 

Vias de Extinção – Benjamin

 

 

 

Kung Fu – Stereoboy

 

 

Simple Songs for Complicated Times- Time For T

 

All the Good Men That Did Ever Exist – King John

 

 

Sal y Amore – Grand Sun

 

 

Kriola – Dino D’Santiago

 

 

 

Canções do Pós-Guerra – Samuel Úria

 

 

 

Liwoningo – Selma Uamusse

 

 

 

Conversations with the Beat – Da Chick

 

 

 

Lina_Raül Refree – Lina

 

 

 

Orgônio – André Júlio Turquesa

 

 

 

Depois Logo Se Vê – Pedro de Tróia

 

 

 

Uma Palavra Começada Por N – Noiserv

 

 

 

Slow-Fi – Slow J

 

 

 


Podes ouvir e apoiar estes artistas através do Bandcamp, Spotify, YouTube e Tidal.  Neste caso, é mesmo como diz a mítica publicidade: O que é Nacional, é Bom!“.

Spread the love
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *